Yearly Archives

2017

Inscrições abertas para o VI Edital de Microprojetos da Rede do Bem

Por | Notícias

Com objetivo de apoiar iniciativas realizadas por organizações da sociedade civil, nas mais diversas áreas, a Agência do Bem recebe até o dia 09 de outubro inscrições para o VI Edital de Microprojetos. Serão selecionados três microprojetos para receber apoio financeiro de até R$ 3.000,00 (três mil reais) por microprojeto. Para participar, as organizações precisam ser entidades legalmente constituídas.

As propostas recebidas serão avaliadas e classificadas pelo Comitê de Seleção, formado por colaboradores e parceiros da Agência do Bem, observando-se critérios como relevância da proposição, clareza na apresentação das informações, credibilidade da organização proponente e localização geográfica. Vale ressaltar que os representantes que participam dos fóruns da Rede de Organizações do Bem recebem pontos extras que são atribuídos à avaliação.

O Edital, bem como o Formulário de Inscrição, podem ser acessados diretamente pelo site da Agência do Bem. O formulário devidamente preenchido deve ser enviado exclusivamente por e-mail para [email protected]. Este mesmo endereço eletrônico deve ser utilizado para o esclarecimento de eventuais dúvidas sobre o Edital. As inscrições são gratuitas e cada organização poderá apresentar apenas uma proposta. O resultado será divulgado no primeiro dia do mês de novembro (01/11), no site da Agência do Bem (www.agenciadobem.org.br).

Agência do Bem participa do Playing For Change Day Rio

Por | Notícias

No dia 23/09, numa parceria com o projeto Playing For Change, a Agência do Bem participou do “Playing for Change Day Rio”. A iniciativa, que acontece simultaneamente em diversos lugares do mundo, tem como objetivo promover e incentivar melhorias sociais por meio da música. A Orquestra e Coro Nova Sinfonia realizou um ensaio aberto na comunidade Beira Rio, em Vargem Grande, mostrando um pouco da sua rotina e da importância da música enquanto ferramenta de desenvolvimento social.

Nova Sinfonia contagia o público com espetáculo de Clássicos do Rock

Por | Notícias

No mesmo dia em que o maior festival de música do Rio de Janeiro chegou ao fim – o Rock In Rio -, a Orquestra e Coro Nova Sinfonia deu continuidade ao clima de rock e fez o palco do Teatro dos Grandes Atores tremer, literalmente. Muitos espectadores, vestindo as camisas de suas bandas preferidas, imediatamente entraram no clima com um cenário e figurino que trouxeram à memória os maiores ícones do estilo e seus álbuns de sucesso. Com uma energia contagiante, os jovens músicos apresentaram um repertório que passeou pelos principais marcos da história do rock, indo de Elvis Presley a Deep Purple, Journey, Cazuza, Legião Urbana e Guns n’ Roses.

O tema do espetáculo partiu dos próprios alunos, que, inclusive, foram os autores de alguns dos arranjos trabalhados nas músicas durante a adaptação para a roupagem orquestral: “A linguagem musical de uma banda de rock é bem diferente da linguagem orquestral. Para este repertório, precisamos adaptar o rock para uma linguagem mais clássica, o que originou algumas sonoridades diferentes.”, explica o maestro Vitor Damiani.

Para quem perdeu a apresentação de estreia, o concerto “Clássicos do Rock” acontece ainda em outubro e novembro, no último domingo de cada mês, às 11 horas, no Teatro dos Grandes Atores, na Barra da Tijuca. A entrada é inteiramente gratuita e os espetáculos têm caráter interativo e didático, trazendo curiosidades sobre a música e animando ainda mais a plateia. A cada edição outros sucessos também serão acrescentados ao repertório, apresentando sempre novidades. Com os ‘’Clássicos do Rock’’, a Nova Sinfonia encerrará a temporada 2017 de concertos temáticos, que neste ano contou também com homenagens ao compositor Heitor Villa-Lobos e ao astro do pop Michael Jackson.

Alunos das Escolas de Música e Cidadania fazem estágio na Agência do Bem

Por | Notícias

Um caminho que começou com as primeiras notas musicais hoje alcança uma nova etapa. Em 2017, Renan Pessoa e Larissa Pinheiro, alunos das Escolas de Música e Cidadania, passaram a compor o quadro de estagiários da Agência do Bem. Auxiliar os professores em sala de aula e realizar a monitoria de alunos nos polos de Vargem Grande e da Cidade de Deus são as principais atividades de rotina da dupla, que também colabora com eventuais demandas da equipe pedagógica.

“O que me motivou foi eu ter entrado na faculdade de Produção Fonográfica, que é relacionada à música, e por isso achei que fazer parte da equipe da Agência do Bem seria um ótimo início como profissional dentro da área musical.”, diz Renan Pessoa, que também integra a Orquestra e Coro Nova Sinfonia há cerca de dois anos e meio. Renan ressalta que as demandas da Agência do Bem têm apresentado um grande sentido profissional no desenvolvimento das suas atividades.

Com um longo percurso de oito anos pela Escola de Música e Cidadania, além de ter feito parte da Nova Sinfonia por seis anos, Larissa pensa em fazer licenciatura em música e afirma que a curiosidade na área musical voltada para o ensino em sala de aula foi sua grande motivação para o estágio: “Com esse estágio estou tendo uma visão bem diferente de ‘sala de aula’, aprendendo a lidar melhor com as pessoas e também a ter didática. Isso irá contribuir muito para o meu futuro”.

Passando pela Escola de Música e Cidadania, Nova Sinfonia e equipe do projeto, Willian e Larissa já vestiram todos os uniformes da organização, sendo grandes exemplos de motivação e desenvolvimento para os demais colegas.

VI Edital de Microprojetos da Rede de Organizações do Bem

Por | Notícias

A Agência do Bem no intuito de apoiar o trabalho social realizado pelas organizações da sociedade civil, nas mais diversas áreas, em consonância com as diretrizes estratégicas da Rede de Organizações do Bem, lança o VI Edital de Microprojetos. Serão selecionados três microprojetos para receber o apoio financeiro de até R$ 3.000,00 (três mil e reais) por microprojeto. Acesse o edital e baixe o formulário de inscrição pelos links abaixo:

 

 

Canal Digital caminha para dois anos de atendimento em Campo Grande

Por | Notícias

Em janeiro de 2016, o Núcleo Especial de Atenção à Criança (NEAC), presente no bairro Comari, em Campo Grande, foi o projeto vencedor do segundo edital Canal Digital, realizado pela Agência do Bem. O edital propicia a montagem de um laboratório com 10 máquinas compostas de monitores de 32 polegadas mais os periféricos, além de todo o mobiliário e custeio mensal do professor. A iniciativa, que tem como objetivo ampliar o acesso de crianças e jovens ao campo da informática, teve origem na própria sede da Agência do Bem, em Vargem Grande, com o desenvolvimento de um laboratório e de uma metodologia diferenciada de ensino para os alunos.

Em 1994, sob a estrutura de um paraquedas, o NEAC começava suas primeiras atividades, atendendo crianças que se encontravam fora das escolas. A diretora da ONG, Selma Pacheco, ressalta que o projeto tem como missão reverter o processo de exclusão por meio do fortalecimento da educação. Hoje a organização atende 150 crianças e jovens entre diferentes atividades, e foi cinco vezes vencedora do prêmio Itaú UNICEF. Apenas no Canal Digital são atendidos dez alunos por hora, incluindo jovens com necessidades especiais, com idades que variam dos 07 aos 14 anos. As aulas de informática contam com a tecnologia educacional Computer Toys, que desenvolve softwares personalizados, com integração entre diversas ferramentas e projetos pedagógicos.

Desde o início do Canal Digital, em Campo Grande, cerca de 70 jovens já foram beneficiados com a iniciação ao mundo digital. “A informática me ensinou sobre a importância da água e também sobre o lixo, sobre a dengue, o folclore brasileiro e o meio ambiente”, diz Maria Eduarda, de 09 anos. A aluna Emily, de 11 anos, disse que aprende tantas coisas com a informática que se fosse escrever sobre todas elas teria que redigir um texto. Além de maior conhecimento, a iniciativa é uma forma de potencializar as futuras chances de empregabilidade.

O projeto Canal Digital também já esteve no morro do Alemão, em parceria com o grupo sociocultural Raízes em Movimento, o qual fazia parte também do coletivo de instituições sociais “Juntos pelo Alemão”, possibilitando o maior acesso à informática para a região.

Alunos das Escolas de Música e Cidadania fazem turnê pelos EUA

Por | Notícias

Após três semanas de turnê pelos EUA, por mais de sete cidades, os alunos das Escolas de Música e Cidadania, Renan Willian e Higor Pinheiro trouxeram, além de histórias, mais experiência na bagagem. Mas como começou exatamente a viagem musical desses dois jovens que também integram a Orquestra e Coro Nova Sinfonia?

Em 2016, Renan e Higor participaram do “Criando Artes Together” (CAT RIO), uma iniciativa do Projeto Arte e Transformação Social, que tem como propósito a criação de artes autorais em três segmentos: música, dança e teatro. Dentre outros participantes de diferentes projetos, os alunos se destacaram, sendo selecionados pelo diretor Wainer Guimarães para participar do Programa Intensivo de Verão, conduzido pela CAP (Community Arts Partnership) numa parceria com a Universidade Cal Arts (fundada por Walt Disney), que oferece para jovens dos 14 aos 18 anos oportunidades para desenvolverem seus talentos artísticos a partir de aulas com professores do programa, incluindo a experiência das apresentações.

Os alunos passaram por Los Angeles, Hollywood, West Point, San Diego, Turlock, Long Beach e Modesto. Higor Pinheiro dos Reis, que estava mais acostumado à leitura de partituras, também se desenvolveu na questão dos improvisos, e ainda ganhou da professora um microfone de contato para utilizar no violino. Renan Willian, aluno da Escola de Música e Cidadania da Cidade de Deus, considera o evento um importante desafio: “Essa experiência certamente é fantástica para o meu futuro como músico, pois lá aprendi muitas coisas sendo desafiado, e é isso que me estimula. Se não tenho desafios, eu corro atrás deles, pois só se cresce como músico quando se toma uns choques de realidade.”, conclui.

Nova Sinfonia faz apresentação no Forte de Copacabana

Por | Notícias

No último fim de semana de agosto, a Orquestra e Coro Nova Sinfonia apresentou-se em mais um local de importância histórica no Rio de Janeiro: o Forte de Copacabana. Numa bela tarde de concerto ao ar livre, o público apreciou um repertório variado, com grandes clássicos nacionais e internacionais, de Tom Jobim a Michael Jackson. A apresentação foi dividida com a Orquestra Violões do Forte. No domingo, a Nova Sinfonia também realizou o terceiro e último concerto do tributo a Michael Jackson, lotando o Teatro dos Grandes Atores, na Barra da Tijuca.

Sede da Agência do Bem na Cidade de Deus recebe oficina de teatro acessível

Por | Notícias

Em meados de agosto, os alunos da Escola de Música e Cidadania da Cidade de Deus participaram de uma oficina conduzida pelo projeto Teatro Acessível, uma realização da ONG Escola de Gente, iniciativa que, além de prestar consultorias e ações distintas em acessibilidade, promove a participação de pessoas com diversos tipos de deficiência em seus espetáculos e nos circuitos culturais das cidades onde vivem. Desde a sua fundação, já sensibilizou para a causa da inclusão mais de 400 mil pessoas em todas as regiões do Brasil e em 16 países das Américas, Europa, Oceania e África.

Durante uma tarde inteira, toda a equipe, formada por professores, coordenadores e alunos, receberam diferentes orientações sobre inclusão e acessibilidade, além de participar de brincadeiras e atividades que trouxeram para a prática um pouco da realidade e rotina dos deficientes. A iniciativa faz parte de um conjunto de ações conduzidas pela Agência do Bem, que visa receber cada vez melhor alunos com deficiência em suas unidades, com um espaço físico adaptado e atendimento diferencial.

16º Fórum aborda Investimento Empresarial e Contabilidade do 3º Setor

Por | Notícias

No dia 27/07, foi realizado o 16º Fórum da Rede de Organizações do Bem, no Centro Cultural Banco do Brasil (CCBB), promovendo mais um encontro com base na disseminação dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS), e levando ao público mais conhecimento prático sobre o Terceiro Setor por meio do Ciclo de Capacitação.

A abertura do evento foi feita por Wagner Ramos, analista na Gerência de Responsabilidade Social do Sistema FIRJAN, com uma abordagem sobre o ODS nº 9 (Indústria e investimento social). Wagner falou sobre o papel das leis de incentivo no apoio a projetos, um dos meios mais comuns e acessíveis utilizados pelas empresas para apoio a iniciativas, bem como abordou a atuação direta do SESI/SENAI quanto à assessoria técnica e operação dos projetos incentivados. Um dos exemplos, inclusive usado como canal para recebimento de propostas, é o SESI Cidadania, programa iniciado junto com a política das UPPs, no Rio de Janeiro, que tornou possível levar a diversas comunidades serviços gratuitos, programas para a terceira idade, educação básica e profissional e atividades culturais e esportivas. O SESI Cidadania conta com agentes e unidades em mais de 40 comunidades, e disponibiliza informações completas no seu site.

Conduzindo o bloco de Capacitação em Gestão, palestrou Antônio Ranha, vice-presidente de controle interno do Conselho Regional de Contabilidade do Rio de Janeiro (CRCRJ). Ranha abordou os aspectos contábeis para o Terceiro Setor, apresentando questões essenciais tanto para o gerenciamento e controle  dos gastos e ações financeiras das instituições quanto para a transparência de suas atividades. Lembrou ainda, que o CRCRJ realiza o Plano Voluntariado de Ciências Contábeis, oferecendo cursos gratuitos na área. O evento contou também com um importante bloco de interação entre os líderes comunitários.